Porque a NSA odeia o Linux

Está mais do que provado que o Linux com todas as suas variantes é mais seguro do que qualquer outro sistema operacional. Em geral, usuários Linux são mais conscientes a respeito da segurança de sistemas do que outros usuários. O desenvolvimento de seus sistemas abertos mantém essa filosofia. Isso que a NSA (National Security Agency) não gosta.

Segurança

Recentemente o U.K’s Communications-Electronics Security Group, um braço do Governo Britânico que monitora e avalia a segurança de sistemas de computação, declarou que a versão LTS do Ubuntu é possivelmente o sistema operacional mais seguro que um usuário comum pode instalar. Ele teve melhor desempenho em todos os testes contra o Windows 7 e 8, iOS 6, ChromeOS e sistemas de smartphones, como Android 4.2, Blackberry 10.1 e Windows Phone 8.

NSA Linux

Chupa NSA

Um maior nível de segurança já faz parte de todos os códigos-fonte abertos em todos os sistemas Linux. E isso a NSA aprendeu quando tentou instalar o mesmo tipo de backdoor que instalaram no Windows e em outros sistemas. Instalar backdoors e hackear o Linux não é fácil. Muitos olhos qualificados olham o código constantemente a fim de ajustar e reconstruí-lo aos seus gostos. Qualquer porta traseira maliciosa seria rapidamente descoberta e simplesmente removida. A NSA se aproximou de Linus Torvalds recentemente com esse fim e sua resposta ao pedido foi que isso não pode ser feito. A revisão do código por muitas pessoas significa que nenhum indivíduo pode controlar o que entra nele. Isso significa que o software livre e aberto é o único software que está livre de espionagem governamental.

Caso Snowden

O caso Snowden é um grande exemplo do que pode ser conseguido com sistemas desguarnecidos. Muito da informação que a NSA colheu das pessoas, governos e empresas foram tiradas com a ajuda de backdoors dentro dos sistemas operacionais e colocados lá por seus próprios criadores. Snowden foi capaz de liberar tais provas contundentes de espionagem porque os principais intervenientes do software fizeram com que fosse fácil para a NSA e outras agências governamentais espionarem seus usuários. Ou seja, o Linux é uma família de sistemas operacionais que não se abriram a espionagem. Os interessados ​​em um ambiente seguro e protegido devem considerá-lo seriamente como uma opção.

Helbert Rocha

Business & Linux Admin | Digital Mkter | Live in Rio | Love Jesus
Google+